DOCERRADO.com



ROTEIROS              AVENTURAS              GRUPO              QUEM SOMOS
 .: PIRENÓPOLIS - GO

Locais: Cachoeiras dos Dragões
Atividade: Trekking
Relato: Flávio Martins - 05/12/20
Última Trip do ano... e que ano!
Lugar escolhido com base na segurança em relação as chuvas, as cabeças d’água ou trombas d´água e ainda por estar em um mosteiro que cuida de um santuário natural e espiritual. Local com uma natureza bem preservada e que em sua trilha que leva para as 8 cachoeiras são colocadas partes do texto do Mestre Ryotan Tokuda, fundador do Mosteiro Zen Eishō-ji.

Como combinado o grupo chegou ao Mosteiro dentro do horário e tudo correndo perfeitamente bem partimos para a trilha.
A trilha é bem cuidada, bem sinalizada e em bom ritmo o grupo avançou até a 1ª cachoeira, o Portal do Dragão.
“Esse portão corresponde ao Mosteiro Zen. O treinamento do praticante zen-budista é muito árduo, mas quem consegue passar por ele se transforma num dragão, num monge zen verdadeiro.”.

Depois de um mergulho e fotos retornamos a trilha e seguimos adiante até a 2ª cachoeira, a Dragão Azul. Ela é alta, despenca por um paredão e tem um visual muito bacana. Diz que este dragão mora no fundo das águas, onde ninguém pode sondar tal profundidade.
"Para chegar lá, é preciso muito empenho. O praticante zen precisa, muitas vezes, passar por momentos de grande dureza. Porém, quanto mais treina, mais sua capacidade aumenta.".

Segue firme pela trilha e tão breve chegamos na 3ª cachoeira, a Pérola do Dragão. Essa tem um poço muito bacana para tomar banho com suas pedras e rochas que parecem que foram serradas formando um belo poço geométrico. Dizem que o dragão está guardando uma pérola preciosa, negra, rara, dentro de suas mandíbulas. Isso simboliza a natureza de Buda. Para conseguir pegar essa pérola, é preciso ter coragem.
"A Cachoeira Pérola do Dragão tem águas profundas e não se pode enxergar o fundo: É preciso tocar a mandíbula do dragão sem medo.".
A Pérola do Dragão vale a pena ficar mais um tempinho e curtir o poço e depois de um bom banho e fotos o grupo parte em direção a próxima cachoeira.

A 4ª cachoeira é uma cascata que forma um poço bem protegido pelas árvores e é chamada de Nuvens do Dragão.
"Nessa hora, aparecem muitas nuvens. O dragão sai da água, envolto dessas nuvens, e começa a subir para os céus. As nuvens de certo modo também são o caos. Nada controlado, nada preparado. Ninguém sabe o que acontece. Assim, a pessoa consegue a realização de sua verdadeira natureza.".

Tocamos para a 5ª cachoeira, a cachoeira do Dragão Verdadeiro. Essa se destaca pelo grande paredão por onde a água desce e forma um poço muito lindo. Demos um mergulho, muitas fotos e um deslumbre nas pedras que compõem este paredão.
Conta a história de um senhor que era fascinado por dragões e que colecionava desenhos, roupas, potes com forma de dragão.
Um dragão ficou sabendo disso e, muito contente, foi visitar o tal senhor. Quando o homem viu quem batia à sua porta, desmaiou! Assim é quando se encontra um mestre verdadeiro.
"Há muitas pessoas tagarelando sobre o Zen, mas não passam de potes, desenhos, imitações de dragão. Quando aparece o verdadeiro dragão, se assustam e tentam se explicar.".

Chegamos rapidinho na 6ª cachoeira, o Dragão Voador que com seus 55 metros de queda é uma das cachoeiras mais altas de Pirenópolis. É alta, larga, como se fosse um dragão abrindo as asas. Dragão do Céu (Tenryu) é a sétima cachoeira. Ten é céu, ryu é dragão.
"Já realizou a natureza de Buda e saindo do mosteiro, começa a trabalhar com toda a força.". Sim... depois de uma boa subida “esse trabalhar com toda a força” tem sentido. A 7ª cachoeira na verdade fica depois da oitava que você passa por ela para chegar na Dragão do Céu e é um poção bom para banho.

A 8ª cachoeira é a Rei do Dragão que possui um belo poço que mais parece um ofurô. O grande Rei do Dragão representa os guardiões do mosteiro, que defendem o Dharma para que o mosteiro permaneça funcionando bem. Neste último ponto uma parada mais demorada, aquele lanche com mais sustância e depois pé de volta na trilha.

O retorno foi rápido e mais uma vez nosso santo padroeiro, São Pedro nos protegeu bem das chuvas.
Obrigado São Pedro, obrigado Dragões e obrigado aos participantes pela presença e confiança em mais uma aventura do DOCERRADO. Nada melhor que uma trilha "zen" e belas cachoeiras para deixar o ano ir embora... até breve!!

Faça parte do nosso grupo no Whatsapp e embarque nas próximas!!
+ informações: (61) 98232-7436

 .: VÍDEO